//Torres Vedras e Alenquer, duas cidades numa só

Torres Vedras e Alenquer, duas cidades numa só

Os municípios de Torres Vedras e Alenquer são exemplo de cooperação e da criação de sinergias que ajudam a desenvolver as suas regiões e a criar riqueza para as respectivas populações.

Foi assim que as duas cidades se uniram numa só para em 2018 ostentarem o título de “Cidade Europeia do Vinho”.

Torres Vedras e Alenquer representam duas Denominações de Origem (DOC) da região de Lisboa, possuindo uma forte tradição na cultura da vinha e do vinho, que se pretende manter e defender. As atividades vitivinícola e o enoturismo são centrais para o desenvolvimento económico da região, quer através da produção de inúmeros vinhos de elevada qualidade, reconhecidos nacional e internacionalmente, quer nos investimentos em unidades turísticas que acrescentam à produção vitivinícola a componente turística de elevado valor acrescentado.

O “reinado” implica o desenvolvimento de muitas actividades de promoção e divulgação dos vinhos regionais e, assim, acabam de ser nomeados os “embaixadores” que têm como missão levar esta divulgação pelo Mundo fora. É uma lista numerosa, da qual destacamos nomes como o de Guta Moura Guedes, empresária, Vasco d’Avillez, presidente da Comissão Vitivinícola Regional de Lisboa, Nélson Pereira, antigo guarda-redes e atual treinador de guarda-redes do Sporting Clube de Portugal, Nuno Côrte-Real, maestro e compositor, Beatriz Silva, Rainha das Vindimas de Torres Vedras, José Bento dos Santos, da Quinta do Monte d’Oiro, Sandra Tavares da Silva, da Quinta de Chocapalha, Alexandre Silva, do Restaurante Loco, João Simões, do Restaurante Casta 85, José Luís Oliveira e Silva, da Casa Santos Lima e o Padre Vítor Melícias são alguns dos Embaixadores da “Cidade Europeia do Vinho 2018” que estarão presentes na sessão.

Sobre a “Cidade Europeia do Vinho”

A Rede Europeia das Cidades do Vinho, RECEVIN avançou em 2012 com o concurso anual “Cidade Europeia do Vinho”, dentro do contexto da defesa e da divulgação do turismo.

Este concurso é uma oportunidade única para as cidades do vinho com uma visão europeia potenciarem o desenvolvimento da riqueza, da diversidade e dos recursos comuns da cultura do vinho ao nível do território europeu, oferecendo um melhor conhecimento da paisagem, da economia e da gastronomia, para uma melhor compreensão mutua entre os cidadãos da União Europeia.

Carlos Bernardes e Pedro Folgado, presidentes das câmaras municipais de Torres Vedras e Alenquer, estão de parabéns.