//Mais marketing para promover Algarve na época baixa

Mais marketing para promover Algarve na época baixa

Os municípios e as regiões concorrem entre si na atração de turistas. O turismo é visto como a forma mais viável para desenvolver a economia e Portugal tem bons argumentos para captar turistas. Algarve, Lisboa e Porto são os principais destinos, em termos genéricos. Nos segmentos específicos, outros municípios e regiões têm sido bem sucedidos: a Nazaré no surf, Sintra e Évora no património, Douro e Beiras no turismo rural, são apenas alguns exemplos. Sabemos bem que na gastronomia não há regiões que sejam capazes de se destacar de forma relevante, em Portugal come-se bem em todo o lado. Enfim, o turista é motivo de grande competição entre os municípios e alguns não têm conseguido grande destaque nesta competição.
O Algarve é a região de maior concentração turística, mas só no verão. Na época baixa, metade dos hotéis e restaurantes algarvios estão fechados. Agora, para tentar eliminar essa depressão sazonal, o Algarve criou a marca “Algarve Walking Season” (traduzindo: época para caminhadas algarvias) e vai promover a região na época baixa com actividades ao ar livre mas longe das praias, turismo de natureza para lá das praias e do golfe.